Responsive Ad Slot

Main Ad

Crianças e adolescentes participam de caminhada em Cajobi contra violência sexual

O CRAS, Assistência Social, Secretaria da Educação e Os Desbravadores Harpia de Cajobi realizaram nesta manhã, 17, uma caminhada celebrando o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. A passeata começou na sede do Projeto e contou com a presença de alguns alunos da rede municipal de ensino, da APAE e membros da Fanfarra de Cajobi.

17 de maio de 2019

/ por Redação
Crianças e adolescentes participam de caminhada em Cajobi contra violência sexual
Fotos: Jean morelli.

O CRAS, Assistência Social, Secretaria da Educação e Os Desbravadores Harpia de Cajobi realizaram nesta manhã, 17, uma caminhada celebrando o Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes. A passeata começou na sede do Projeto e contou com a presença de alguns alunos da rede municipal de ensino, da APAE e membros da Fanfarra de Cajobi.

Crianças e adolescentes participam de caminhada em Cajobi contra violência sexual

A data remete ao dia 18 de maio de 1973, quando a Araceli Crespo, de 8 anos, foi raptada, estuprada e morta por jovens de classe média alta em Vitória (ES). Os agressores nunca foram punidos. No Brasil, o Disque 100 e o aplicativo Proteja Brasil são os principais meios de denúncia dos crimes envolvendo crianças e jovens. Apenas em 2015 e 2016, 37 mil casos de denúncias de violência sexual na faixa etária de 0 a 18 anos foram recebidos pelo Disque 100.

Crianças e adolescentes participam de caminhada em Cajobi contra violência sexual

Apenas em 2016 foram 17,5 mil casos. A maior parte das denúncias é referente aos crimes de abuso sexual (72%) e exploração sexual (20%). As demais ligações estavam relacionadas a outras violações como pornografia infantil, sexting, grooming, exploração sexual no turismo, estupro.

Denúncia

As ligações no Disque 100 são gratuitas, e as denúncias são anônimas. O atendimento é 24h e ocorre inclusive nos domingos e feriados.

Já o aplicativo Proteja Brasil está disponível para download nos celulares das plataformas Android e iOS. Com apenas alguns cliques, o usuário consegue apresentar sua queixa à Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos de maneira fácil, rápida, anônima e segura.

Crianças e adolescentes participam de caminhada em Cajobi contra violência sexual

Crianças e adolescentes participam de caminhada em Cajobi contra violência sexual

Crianças e adolescentes participam de caminhada em Cajobi contra violência sexual

Crianças e adolescentes participam de caminhada em Cajobi contra violência sexual

Crianças e adolescentes participam de caminhada em Cajobi contra violência sexual

Crianças e adolescentes participam de caminhada em Cajobi contra violência sexual

Nenhum comentário

Postar um comentário

Leia Também
© todos os direitos reservados | Blog Cajobi 2011 - 2019
feito com por Jean Morelli