Breaking News

Main Ad

Secretaria de Saúde nega epidemia de conjuntivite em Olímpia

Diferente do quem vem sendo compartilhado nas redes sociais, a secretaria de Saúde da Estância Turística de Olímpia negou na manhã desta quinta-feira, dia 11, um possível surto de conjuntivite na cidade. De acordo com os dados divulgados pela Vigilância Epidemiológica, apenas quatro casos foram registrados neste ano na rede pública de Saúde.

Ainda segundo o levantamento, Olímpia apresenta uma queda significativa nos números, comparado aos municípios da região, registrando 124 casos durante todo o ano passado, uma média de 10 casos mensais. Dessa forma, os registros de 2017 representam 0,23% da quantidade de moradores que possui o município.

“Não há motivo para pânico entre a população e os turistas. A situação está mais que controlada no município, além de que o monitoramento é feito diariamente pelas equipes da Vigilância. Deve estar ocorrendo algum equívoco de quem vem compartilhando essa informação inverídica”, alerta o departamento.

Sintomas

Os sintomas da conjuntivite são olhos avermelhados, coceira e sensação de desconforto, inchaço do olho ou pálpebra, lacrimejamento - inclusive com possibilidade de pus -, sensibilidade à luz, visão borrada, febre, dor de garganta, dores pelo corpo e olhos colados.

Entre os fatores que elevam o risco da conjuntivite estão: imunidade baixa, contato dos olhos com mãos sujas, não trocar constantemente as roupas de cama e toalhas e predisposição a doenças autoimunes ou virais.

Em caso de suspeita, a orientação da secretaria de Saúde é para que, diante dos primeiros sintomas, o cidadão procure a Unidade de Saúde mais próxima para o diagnóstico imediato e tratamento da doença.

Postar um comentário

0 Comentários