Breaking News

Main Ad

Pirangi terá nova eleição no dia 1º de junho



Na sessão do dia (8), os juízes do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) aprovaram a resolução que marca nova eleição para prefeito e vice em Pirangi. O pleito ocorrerá no dia 1º de junho.

A eleição municipal de outubro de 2012 foi anulada porque o candidato mais votado, Brás de Sarro (PSD), e seu vice, João Gonçalves de Sarro (PMDB), tiveram seus registros cassados após a eleição, por abuso de poder político e econômico e por captação ilícita de sufrágio e foram declarados inelegíveis por 8 anos. Eles obtiveram 3.743 votos, 58,36% dos votos válidos e não chegaram a ser empossados. As funções do cargo de prefeito vêm sendo exercidas, interinamente, pelo presidente da Câmara municipal.

Conforme a legislação eleitoral, quando essa nulidade atinge mais da metade dos votos de um município, nova eleição deve ser marcada (Código Eleitoral – lei 4.737/1965, artigo 224).


Procedimentos eleitorais serão repetidos

Todo o rito das eleições de outubro será repetido em Pirangi, obedecendo a um calendário reduzido, desde as convenções partidárias para decidir coligações e escolher candidatos, passando pela propaganda política, até o momento do voto. A resolução que instrui o novo pleito majoritário determina, entre outros pontos, que os pedidos de registro de candidatura devem ocorrer até as 19 horas do dia 2 de maio. Os candidatos que deram causa à nulidade não poderão participar das novas eleições. Já a propaganda dos candidatos será permitida nos quinze dias anteriores à antevéspera da votação, segundo o novo calendário eleitoral.

Com a decisão, 8.117 eleitores do município devem voltar às urnas em 1º de junho e somente os eleitores inscritos até 2 de janeiro de 2014 poderão exercer o voto. Pirangi é atendida pela 76ª Zona Eleitoral – Monte Alto.

Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo

Postar um comentário

0 Comentários