Breaking News

Main Ad

'Bola de fogo' que apareceu no céu intriga moradores do noroeste paulista



Uma “bola de fogo” que cortou os céus de cidades da região de Araçatuba (SP) e São José do Rio Preto (SP) na noite desta quarta-feira (23) deixou os moradores intrigados.

A moradora conta que estava reunida com um grupo de amigos na frente da casa onde mora, quando um deles apontou para o céu. Ao virar a câmera para o céu, registrou o fenômeno. “Nós estávamos cantando quando vimos algo diferente no céu. No primeiro momento, achei que era uma estrela cadente, mas ela foi aumentando muito de tamanho e depois ‘caiu’ atrás de uma árvore”, afirma Julieti.

Felipe Delfini, que presenciou a gravação, conta que assim que o vídeo foi compartilhado, várias pessoas de outras cidades afirmaram ter visto o fenômeno no céu. “Foi muito rápido. Assim que colocamos o vídeo na rede social outras pessoas disseram no comentário terem visto a mesma coisa", disse Delfini.

Em Tanabi (SP), a 215 quilômetros de Andradina, o adolescente Clécio Dourados, de 15 anos, flagrou o mesmo fenômeno enquanto andava pelas ruas. Ele conta que ia até a casa de um amigo quando viu algo estranho no céu. “Estava filmando e brincando com uma criança que estava comigo quando olhei para o céu, vi essa 'bola de fogo' e imediatamente filme e tirei foto. Como estava muito próximo de nós, saí correndo para ver o local em que iria cair. Mas foi muito rápido, quando olhei de novo ela havia sumido"

Clécio postou as fotos e o vídeo em uma rede social, onde, segundo ele, outras pessoas comentaram que também viram o episódio. “Muitos amigos disseram que viram de casa. Pelo fato de ter acontecido um fenômeno parecido há uns cinco anos, todo mundo fica esperto quando acontece esse tipo de coisa”, disse o adolescente.

Vitor Berger, amigo de Clécio, também viu a "bola de fogo". “Eu e uma amiga vimos tudo. Aquela bola fazia um barulho muito alto e estranho. Mas aí ela simplesmente desapareceu, sumiu do nada", confirma Vitor.

Nota da Redação: Segundo a meteorologista Neide Oliveira, do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a "bola de fogo" se assemelha muito a um meteoro.

A reportagem encaminhou o vídeo ao Observatório Didático Astronômico da UNESP/Bauru. O professor Rodolfo Langhi afirmou que realmente se trata de um meteoro. "Pelo vídeo, aquele fenômeno se tratava de um bólido, um meteoro com grande intensidade de brilho e fragmentação do corpo. Estes fenômenos não são muito raros no céu. São corpos rochosos
provenientes do espaço e que entram na atmosfera terrestre ou restos de
artefatos (satélites artificiais ou lixo espacial).

O pesquisador da Inape (Instituto de Astronomia e Pesquisas Espaciais) de Araçatuba (SP), Jorge Nery, também analisou as imagens e concluiu ser lixo espacial. "Observamos nas imagens que aparentemente é a queda de um lixo espacial e apresenta uma calda de fogo devido ao atrito na atmosfera. Como ele estava em uma altura elevada, chegou na atmofera e se desintegrou. É um fenômeno comum, pois a quantidade de lixo espacial é muito grande", comentou Nery.




Fonte: G1

Postar um comentário

0 Comentários