Breaking News

Main Ad

Mulher é presa acusada de aliciar o sobrinho para o tráfico de drogas em Barretos

 
Uma mulher de 28 anos tia de uma criança de 12 anos foi presa acusada de aliciar o sobrinho para o tráfico de drogas em Barretos. Segundo o Dr. João Brocanello delegado da DIG/DISE o setor de investigação estava acompanhando o caso depois que a mãe da criança procurou a delegacia informando que havia encontrado nos pertences de seu filho porções de entorpecentes que seriam da propriedade de sua tia e que a mesma estaria aliciando o mesmo para fazer a venda de drogas para ela. Diante do fato a delegacia formalizou a denuncia da mãe e os policias a orientaram que caso ocorresse novamente que ela procurasse os policiais que as providencias seriam tomadas.

Nesta data mais uma vez a mãe encontrou 17 pedras de crack já prontas para a venda nos pertences do filho e como havia sido orientada avisou a polícia. A equipe de investigadores foi até o local no Bairro Alvorada e em contato com o menor ele confessou que fazia a venda de drogas para a tia que morava próximo a sua casa. Diante da confissão do menor os policiais foram até a casa da tia a deram voz de prisão em flagrante conduzindo à mesma a delegacia. Tomando ciência do fato o delegado autuou a mesma pelo crime de tráfico de drogas ficando Kelly Cristina dos Santos presa a disposição da justiça, ainda segundo o delegado ela já é reincidente na prática de tráfico e desta vez ainda foi mais longe aliciando o próprio sobrinho para fazer a venda de drogas.
O menor já estava tão envolvido com tráfico que acabou desenhando em seu corte de cabelo simbologia que fazem apologia à maconha. Nossa equipe conversou com exclusividade com a mãe do menor que contou como ela chegou a tomar a atitude e denuncia o próprio filho. Segundo a mãe ela notou a mudança de comportamento do filho onde começou a acompanhar mais de perto e conseguiu flagrar as drogas nas coisas dele. Ainda segundo a mãe seu filho já teve problemas com o vício de droga e graças a Deus ela conseguiu uma clínica na cidade de Limeira onde ele havia ficado e conseguiu se libertar do vício da cocaína. E desta vez ele não estava mais usando drogas e sim traficando e o pior a mando da própria tia. Para a mãe foi uma tristeza muito grande onde a família que deveria proteger desta vez veio para aliciar e colocar o menino no mundo do tráfico. Mesmo com muita tristeza no coração por ter que denuncia o próprio filho, mas ela acredita que fez o certo e que em um futuro seu filho deverá agradecer pelo que ela fez por ele. O menor foi encaminhado ao Promotor da Infância e Juventude que irá definir o destino do adolescente. Dr. João Brocanello frisou que a decisão da mãe foi sábia onde a responsabilidade da educação de nossos filhos é dos pais e não podem ser coniventes com seus erros no mundo como o de hoje que se confunde democracia com libertinagem. 

E se pais e mães amem seus filhos quando se depararem com uma situação com essa que denunciem e que não permitam que traficantes aliciem seus filhos e os levem para o mundo do crime e a polícia está pronta sempre para ajudar e atender a população e evitar que nossos jovens que são o futuro dos pais sejam futuros delinquentes.

Fonte: Portal NBR

Postar um comentário

0 Comentários